O curso

CURSO DE FORMAÇÃO CONTINUADA LEITURA E ESCRITA NA EDUCAÇÃO INFANTIL PARA DOCENTES

1. Público alvo:

Professoras da Educação Infantil das redes públicas e privadas de ensino

2. Os objetivos e a estrutura do curso

O curso “Leitura e Escrita na Educação Infantil” tem como objetivo geral a formação de professoras de Educação Infantil para que possam desenvolver, com qualidade, o trabalho com a linguagem oral e escrita, em creches e pré-escolas. A complexidade dessa tarefa levou-nos a estruturar o curso em oito cadernos, destacando, em cada um deles, temas relacionados à temática que são abordados articuladamente uns aos outros.  Os cadernos são compostos por três textos, escritos por diferentes autores, o que permite ampliar o diálogo sobre teorias e práticas que informam e dão concretude ao trabalho docente.

Caderno 1: Ser docente na educação infantil: entre o ensinar e o aprender
Unidade 1: Docência e formação cultural
Unidade 2: Docência na Educação Infantil: contextos e práticas
Unidade 3: Leitura literária entre professoras e crianças
Caderno 2: Ser criança na Educação Infantil: infância e linguagem
Unidade 1: Infância e linguagem
Unidade 2: Infância e cultura
Unidade 3: Desenvolvimento cultural da criança
Caderno 3: Linguagem oral e linguagem escrita na Educação Infantil: práticas e interações
Unidade 1: Criança e cultura escrita
Unidade 2: Linguagem oral e linguagem escrita: concepções e inter-relações
Unidade 3: Criança, linguagem oral e linguagem escrita: modos de apropriação
Caderno 4: Bebês como leitores e autores
Unidade 1: Os bebês, as professoras e a literatura: um triângulo amoroso
Unidade 2: Bebês: interações e linguagem
Unidade 3: Brincar, cantar, narrar: os bebês como autores
Caderno 5: Crianças como leitoras e autoras
Unidade 1: Leitura e escrita na Educação Infantil: concepções e suas implicações pedagógicas
Unidade 2: As crianças e as práticas de leitura e escrita na Educação Infantil
Unidade 3: As crianças e os livros
Caderno 6: Currículo e linguagem na Educação Infantil
Unidade 1: Currículo e Educação Infantil
Unidade 2: Observação, documentação, planejamento e organização do trabalho coletivo na Educação Infantil
Unidade 3: Avaliação e Educação Infantil
Caderno 7: Livros infantis: acervos, espaços e mediações
Unidade 1: Livros infantis: critérios de seleção – as contribuições do PNBE
Unidade 2: E os livros do PNBE chegaram…: situações, projetos e atividades de leitura
Unidade 3: Os espaços do livro nas instituições de Educação Infantil
Caderno 8: Diálogo com as famílias: a leitura dentro e fora da escola
Unidade 1: Aprender a ler e a escrever: as expectativas das famílias e da escola
Unidade 2: Literatura e famílias: interações possíveis na Educação Infantil
Unidade 3: Leitura e escrita: conquistas e desafios para a formação continuada
Encarte para as famílias: Conta de novo?! As famílias e a formação literária do pequeno leitor

3. Metodologia do curso

O curso “Leitura e Escrita na Educação Infantil” foi planejado para implementação na modalidade presencial, mas, devido à pandemia da Covid-19, o curso foi remodelado para o formato à distância. Possui material didático-pedagógico próprio, os cadernos, cujas unidades são estruturadas em seções que procuram articular teoria e prática.

3.1. Material didático-pedagógico

Conforme mencionamos anteriormente, o material pedagógico do curso, formado pelos oito cadernos, foi elaborado de modo a proporcionar a articulação entre ciência, arte e vida, buscando uma unidade de sentido na qual a professora possa relacionar conhecimentos teórico-científicos com diferentes manifestações artístico-culturais e com seu cotidiano na Educação Infantil.

Os conceitos e as formulações teóricas são aprofundados e articulados com manifestações artísticas – poemas, contos, letras de música, reproduções de obra de arte, fotografias, etc. – e com o trabalho pedagógico junto às crianças de creches e pré-escolas. Assim, ao longo do curso, são muitas as oportunidades de dialogar com livros de literatura, textos informativos, filmes, desenhos animados, jogos, imagens, sitesblogs, etc., o que contribui para a ampliação da formação cultural tão necessária à docência.

Leva-se em conta, nas unidades, que professoras e crianças têm conhecimentos e experiências que precisam ser considerados. Assim, os textos buscam estabelecer o diálogo com os sujeitos envolvidos – crianças, professoras e famílias. As produções originais de autores que compõem a literatura fundamental da área/tema são objeto de referência para possibilitar o acesso das professoras e contribuir para sua autonomia acadêmica e profissional.

Sempre que pertinente, são feitas referências à Lei de Diretrizes e Bases, às Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil, ao Plano Nacional de Educação, às Diretrizes Nacionais para a Educação Especial na Educação Básica, às Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-raciais, entre outros marcos legais. O Programa Nacional Biblioteca da Escola, dada a sua relevância como política de leitura, é objeto de estudo e trabalho em um dos cadernos. O material didático-pedagógico foi elaboradopara utilização em curso de formação docente; portanto, pressupõe a mediação e o trabalho sistemático de acompanhamento.

Cada unidade contém a seguintes seções:

Iniciando o diálogoIntroduz o tema a ser trabalhado e explicita os objetivos que o cursista deve atingir ao final da unidade.
Corpo do texto/unidadeDesenvolve as ideias e os conceitos, trazendo o embasamento teórico e localizando referências bibliográficas. Procura mobilizar os conhecimentos prévios do cursista, de modo a promover a recuperação de informações ou de experiências que o professor já tenha sobre o tema. Propõe questões sobre práticas docentes para análise e reflexão. Articula o tema tratado com produções artísticas – poemas, contos, imagens, reproduções de obras de arte, entre outros – e o cotidiano da Educação Infantil. Na conclusão, retoma a questão inicial, fechando o ciclo de ação-reflexão-ação ressignificada.
Compartilhando experiênciasApresenta atividades realizadas por professores em contextos educativos concretos para que os cursistas possam ver materializadas as discussões e os princípios abordados na unidade, levando em consideração as diferentes faixas etárias das crianças da Educação Infantil.
Reflexão e açãoSão propostas atividades que possibilitem à cursista a reflexão sobre a temática abordada (dinâmicas, atividades, debates, respostas a perguntas, etc.). São também recomendadas situações práticas a serem desenvolvidas pelas professoras-cursistas com as crianças e compartilhadas com as colegas nos encontros seguintes (por exemplo, observação e registro do cotidiano, leitura de material, perguntas para debate, proposta de registro, etc.).
Aprofundando o temaSão indicados textos impressos, filmes ou vídeos que devem ser lidos ou vistos; perguntas que os relacionam ao texto da unidade solicitam respostas, como atividade obrigatória.
Ampliando o diálogoTextos são sugeridos para leitura complementar, bem como vídeos e filmes. Além da referência completa, é apresentada a sinopse ou a ficha técnica dessas indicações.
ReferênciasApresentam informações completas de documentos citados no texto, de acordo com normas da ABNT, permitindo a sua identificação individual.

Destaca-se com relação aos textos que:

(1) Na interlocução, optou-se pelo uso do genérico feminino, ou seja, professora, por ser o corpo docente que atua na Educação Infantil majoritariamente feminino. Apesar de reconhecermos que tem crescido o número de homens no magistério, mais de 95% dos postos docentes são ocupados por mulheres.

(2) Alguns nomes de autores aparecem com diferentes grafias nas referências bibliográficas. Por exemplo: Vigotski, Vygotsky. Optou-se por não uniformizar a grafia nos diversos textos, mantendo-se a forma como o nome aparece na publicação em questão. O nome de Vygotsky pode ser transliterado de formas diferentes em nosso alfabeto, donde as variações.

3.2. Atividades individuais e coletivas

Nas seções das unidades, como visto, são propostas às cursistas várias atividades de estudo e pesquisa individuais. Estas são realizadas antes dos encontros síncronos, que devem constituir momento de discussão e reflexão coletiva. Além dessas atividades pertinentes às unidades, o curso prevê que as professoras formem grupos de leitores de literatura

Grupo de leitura literária

Visando criar oportunidades para que as professoras vivenciem a prática da leitura literária e, ao mesmo tempo, ampliem as possibilidades de acesso ao universo literário, o curso propõe que seja organizado um programa de leitura e de discussão de textos literárias.

Essa atividade consta da carga horária do curso e se desenvolve, em seu decorrer, por meio de tertúlias literárias em encontros síncronos.  As referências dos textos literários e autores que compõem esta atividade se encontram na plataforma do curso e são acessadas por todas as cursistas regularmente matriculadas.

4. Carga horária

No mínimo, 150 horas, com a duração de dois semestres letivos.

Dentro deste total de horas, são realizadas atividades assíncronas via plataforma Moodle e com interação com a tutora de cada turma, oficinas de literatura infantil, tertúlias literárias e seminários, assim organizados:

Introdução• 2 encontros síncronos com 2h de duração cada para conhecimentos das ferramentas tecnológicas e acolhimento inicial pela tutora de cada turma;
• 5h de atividades assíncronas;
Módulo 1• 1 encontro síncrono de oficina de literatura infantil, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de estudo do caderno, com 2h de duração;
• 10h de atividades assíncronas;
Módulo 2• 1 encontro síncrono de tertúlia literária, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de estudo do caderno, com 2h de duração;
• 10h de atividades assíncronas;
Módulo 3• 1 encontro síncrono de oficina de literatura infantil, com 2h de duração;
• 2 encontro síncrono de estudo do caderno, totalizando 4h de duração;
• 15h de atividades assíncronas;
Módulo 4 • 1 encontro síncrono de tertúlia literária, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de estudo do caderno, com 2h de duração;
• 10h de atividades assíncronas;
Módulo 5 • 1 encontro síncrono de oficina de literatura infantil, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de tertúlia literária, com 2h de duração;
• 2 encontros síncrono de estudo do caderno, totalizando 4h de duração;
• 20h de atividades assíncronas;
Módulo 6 • 1 encontro síncrono de oficina de literatura infantil, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de estudo do caderno, com 2h de duração;
• 10h de atividades assíncronas;
Módulo 7 • 1 encontro síncrono de tertúlia literária, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de estudo do caderno, com 2h de duração;
• 10h de atividades assíncronas;
Módulo 8 • 1 encontro síncrono de oficina de literatura infantil, com 2h de duração;
• 1 encontro síncrono de estudo do caderno, com 2h de duração;
• 10h de atividades assíncronas;
Seminários • 4 seminários com duração cada de 2h, totalizando 8h de duração.

 

Veja também: